Comoção

Cadela espera pelo dono há mais de um ano à porta da Polícia

O dono de Sheila foi condenado a três anos e meio de prisão efectiva por assalto qualificado no início do ano passado. Cumpre a pena numa esquadra de Buenos Aires
Bichos
Cadela espera pelo dono na preso na Polícia
Cadela espera pelo dono na preso na Polícia
Sheila dorme no interior da esquadra, muitas vezes junto da cela do dono (foto ilustrativa: andarapz/Pixabay)

Uma cadela vive, desde o início de 2018, à porta de uma esquadra da Polícia de Buenos Aires (Argentina) à espera da libertação do dono, condenado por assalto qualificado. O jovem foi condenado a três anos e meio de prisão efectiva e desde então, Sheila não se afasta do local.

 

Segundo o jornal La Arena, os agentes acreditam que ela está pacientemente à espera do dia em que o jovem saia da prisão. “Pouco depois de o termos detido e trazido para a esquadra, a Sheila apareceu e nunca mais se afastou. Achamos que ela deve ter seguido a patrulha”, disse, ao mesmo jornal, o vice-comissário Juan José Martiní.

 

A cadela, arraçada de golden e que tem 4 ou 5 anos de idade, está de tal forma familiarizada com o pessoal da esquadra que costuma entrar nas instalações e seguir os agentes quando estes saem em serviço a pé.

 

“Ela tem livre acesso à esquadra, entra, sai e volta a entrar. Dorme sempre cá dentro, às vezes, na zona das celas e está em contacto permanente com o dono”, esclareceu o chefe da polícia, acrescentando: “Quando ele sair e ela se for embora com ele, certamente sentiremos a falta dela”.

 

De acordo com o mesmo responsável, todo o pessoal da esquadra cuida dela. “Há uns tempos, um buldogue atacou-a e feriu-a muito. De imediato, uma patrulha levou-a a um médico veterinário. Esteve hospitalizada 15 dias e as despesas foram pagas pela esquadra”, acrescentou.