Inglaterra

Veterinário terá ameaçado matar cadela se o dono não pagasse operação na íntegra

Luna partiu uma das patas dianteiras quando saltava uma cerca, na cidade inglesa de Durham. Dono tentou pagar a intervenção cirúrgica a prestações, mas a clínica terá recusado
Bichos
Veterinário terá ameaçado matar cadela
Veterinário terá ameaçado matar cadela
Pata dianteira de Luna teve de ser amputada devido à gravidade dos ferimentos (foto: Skeeze/Pixabay)

Um homem residente em Durham, no nordeste da Inglaterra, acusa um médico veterinário de ameaçar matar a sua cadela caso ele não pagasse a operação na íntegra. Segundo o jornal Chronicle Live, Luna, partiu uma das patas quando tentava saltar uma cerca, há cerca de uma semana. Damo Brennan, de 35 anos de idade, e um dos seus seis filhos levaram-na a uma clínica veterinária para ser operada de urgência, mas nem tudo terá corrido bem.

 

Ao chegaram, foi-lhes dito teriam que pagar entre 4000 libras (cerca de 4600 euros) a 5000 libras (cerca de 5700 euros) para a pata ser salva, ou Luna seria eutanasiada. Damo Brennan perguntou se havia alguma alternativa. Segundo ele, o médico veterinário explicou-lhe que a pata poderia ser amputada, o que lhe custaria 600 libras (cerca de 700 euros). Apesar do custo, aceitou.

 

No dia seguinte, a família recebeu um telefonema a informá-la de que a operação tinha sido um sucesso. A mulher de Damo, Naomi, perguntou quando poderiam ir buscar Luna. «Disseram que assim que a operação fosse paga na totalidade», contou ao mesmo jornal. Damo pediu para o deixarem pagar a intervenção a prestações, o que foi recusado.

 

«Disseram-me que iriam mantê-la até nós conseguirmos juntar o dinheiro, mas que não aceitariam um plano de pagamento», disse. Damo Brennan garantiu que arranjaria o dinheiro no prazo de uma semana, mas dois dias depois, o médico veterinário ameaçou eutanasiar Luna.

 

Desesperado, Damo publicou um apelo no Facebook e iniciou uma campanha de angariação de dinheiro num website de crowdfunding. Em menos de 24 horas, conseguiu 530 libras (cerca de 600 euros) e na quinta-feira, a família recuperou Luna. Damo diz que apresentou uma queixa formal sobre a forma como foram tratados.

 

Contactado pelo Chronicle Live, o porta-voz da clínica veterinária recusou comentar a queixa apresentada por Damo Brennan por ser «confidencial» Adiantou que o dono de Luna tem estado em contacto com o serviço de clientes da clínica e salientou que «o mais importante» é o facto de a cadela estar de novo junto dos donos.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.