Política

Câmara de Jerusalém constrói estações para alimentar gatos de rua

Gatos errantes têm mais dificuldade em arranjar comida desde que os caixotes do lixo passaram a estar enterrados
Bichos
Gatos que vivem nas ruas de Jerusalém vão ser alimentados pela Câmara
Gatos que vivem nas ruas de Jerusalém vão ser alimentados pela Câmara
Câmara de Jerusalém vai investir cerca de 24 000 euros anualmente na compra de comida para os gatos errante (foto: Martini Pur/Pixabay)

O presidente da Câmara de Jerusalém aprovou a construção de estações para alimentar gatos de rua.

 

Num comunicado divulgado na terça-feira, Moshe Lion informa ainda que a autarquia vai investir anualmente 100 000 nis (cerca de 24 000 euros) na compra de comida para os felinos.

 

De acordo com The Jerusalem Post, recentemente, os contentores de lixo da cidade passaram a estar enterrados. O que significa que os gatos não conseguem procurar comida como antes. Preocupados, muitos habitantes queixaram-se à câmara.

 

As estações para alimentar os gatos vão ser instaladas nos bairros onde os contentores do lixo estão enterrados. A autarquia estima que mensalmente será necessários 210 sacos de ração para dar de comer a todos os felinos que vivem na rua.

 

Na próxima semana, realiza-se em Jerusalém um encontro com voluntários que já alimentam os animais às suas próprias custas. Ser-lhes-á explicado de que forma podem ser reembolsados dessas despesas.