Assistência

Cão do antigo presidente americano vai apoiar militares feridos

Sully, um labrador de dois anos de idade, acompanhava George H. W. Bush desde Junho. Com a morte deste, passará a trabalhar no centro médico militar
Bichos
Sully despede-se de George H. W. Bush
Sully despede-se de George H. W. Bush
Sully prestou uma última homenagem a George H. W. Bush, que morreu na sexta-feira com 94 anos de idade (foto: sullyandbush/Instagram)

Sully, o cão de assistência do antigo presidente americano George H. W. Bush (que morreu na sexta-feira aos 94 anos de idade), vai dar apoio a militares feridos. A informação foi prestada esta segunda-feira aos jornalistas por Jim McGrath, porta-voz de Bush.

O cão, de raça labrador retriever e com dois anos de idade, estava com o antigo presidente dos Estados Unidos da América, que sofria da doença de Parkinson, desde Junho. Além de lhe fazer companhia, estava treinado para executar pequenas tarefas, como abrir portas, apanhar objectos ou pedir ajuda, em caso de necessidade.

Na altura, Jim McGrath disse à CNN: «Tal como alguém disse, ele consegue fazer tudo excepto um Martini, mas não se preocupe que ele arranja alguém que o faça».

A partir de Janeiro, Sully vai trabalhar num centro médico militar no apoio a soldados feridos com outros dois cães. A sua função será ajudar soldados feridos durante a terapia ocupacional e física e apoiá-los em pequenas tarefas diárias.

Antes, terá um período de férias na America’s VetDogs, uma organização sem fins lucrativos que desde 2003 treina cães para serem animais de assistência. Foi esta associação quem aconselhou Sully a George H. W. Bush, depois de a sua mulher, Barbara, ter morrido.

No domingo, a fotografia de Sully a guardar o caixão de Bush, no Texas, publicada na sua conta do Instagram, foi muito comentada e partilhada. Na legenda, podia ler-se «Missão Cumprida». Sully assistirá também ao funeral que se realiza esta quinta-feira.

O filho do falecido presidente, George W. Bush, agradeceu a Sully no Instagram: «Assim como a nossa família vai ter saudades deste cão, conforta-nos saber que ele irá levar alegria à sua nova casa assim como trouxe à nossa».

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.