Desporto

Cão vadio medalhado depois de ter corrido uma meia-maratona na Austrália

Stormy, de apenas um ano de idade, percorreu os 21 quilómetros da prova em 2h30. Cão pertencerá a uma comunidade aborígene. Se ninguém o reclamar, será colocado para adopção
Bichos
meia-maratona


Um cão vadio ganhou uma medalha depois de ter corrido os 21 quilómetros de uma meia-maratona na Austrália. O animal, baptizado Stormy, concluiu a prova em 2h30, o tempo médio gasto pelos participantes, segundo o jornal The Citizen. A Goldfields Pipeline Marathon realizou-se no final de Julho perto da cidade de Kalgoorlie, mas só agora este feito foi divulgado.

Grant Wholey, o organizador da meia-maratona, contou à AFP que antes da corrida, o animal circulou por entre os 97 participantes, como que a cumprimentá-los. Quando a prova teve início, começou a correr junto deles. Parou em todos os pontos de verificação e, em seguida, continuava na companhia de outro atleta

De acordo com Grant Wholey, o cão vivia em Kurrawang, uma comunidade aborígene próxima, onde era conhecido por Stormy. Os organizadores da meia-maratona foram informados por professores locais que o animal pertence à comunidade e não a uma pessoa. Contudo, com ninguém o reclamou depois da prova, Stormy foi levado por guardas florestais.

 

Herói da meia-maratona

No final da semana passada, os organizadores da prova entregaram uma medalha a Stormy, de modo a publicitar o seu feito e na esperança de que o dono aparecesse. Caso não seja reclamado por ninguém, ao fim de uma semana, será colocado para adopção, explicou ao jornal australiano ABC o presidente da Câmara de Kalgoorlie-Boulder, John Walker. Quem adoptar Stormy terá que pagar uma taxa de cerca de 190 euros, mais os custos do microchip e do registo.

Vários dos maratonistas já manifestaram vontade em ficar com ele. «Ele parece mesmo um cão adorável, muito amigável. Será um bom companheiro», acrescentou Grant Wholey.

Os guardas florestais disseram ao jornal ABC que Stormy é muito popular e deixará saudades.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.