Reencontro

O encontro emotivo através de videochamada entre uma cadela e a dona

A venezuelana Oriany de Oliveira emigrou para a Argentina há cerca de nove meses à procura de uma vida melhor, mas não pôde levar Layla consigo
Bichos
cão


Nove meses depois de ter emigrado para a Argentina em busca de uma vida melhor, a venezuelana Oriany de Oliveira conseguiu ver a sua cadela, Layla, através de uma videochamada. A reacção do animal, que pode ser vista num vídeo publicado no YouTube, está a comover milhares de Internautas.

Ao jornal El Comercio, Oriany explicou que não pôde levar Layla consigo, o que lhe custou muito. A cadela ficou aos cuidados da mãe. «Ela ficou praticamente sozinha e Layla faz com que não se sinta tão só. Está sempre a pedir para sair à rua e para brincar», contou.

Apenas nove meses depois de ter ido para a Argentina, Oriany teve oportunidade de rever a sua amiga de quatro patas através de uma videochamada. Layla nem queria acreditar que estava a ver e a ouvir a sua dona e reagiu de forma muito emotiva.

Após a publicação do vídeo no YouTube, alguns internautas criticaram Oriany por não ter levado a sua mascote. O médico veterinário de Layla já saiu em defesa da jovem, garantindo que a cadela está muito bem cuidada e que Oriany não deve preocupar-se com aquele tipo de comentários.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.