Competição

E os cavalos voltaram a tomar conta do Regimento de Lanceiros N.º 2

O XX Concurso Nacional Combinado realizou-se esta sexta-feira e sábado com a participação de 34 conjuntos, aos quais se juntaram 48 na prova livre. Participaram cavaleiros (militares e civis) de todo o país
Fátima Mariano
Cavalo
Cavalo
Cavalo
Cavalo
Cavalo
Cavalo
Cavalo
Cavalo
Cavalo
Cavalo

(Fotos: Diana Quintela)

À aproximação do primeiro obstáculo, o cavalo hesita e pára à última da hora. O cavaleiro ainda faz uma segunda tentativa, mas em vão. O cavalo «borregou», com se diz no hipismo, o que significa que recusou o salto, e a dupla acabou desclassificada. O segundo cavalo faz o salto sem qualquer dificuldade e prossegue a prova sem quaisquer hesitações.

Esta sexta-feira e sábado, realizou-se mais um Concurso Nacional Combinado (CNC) do Regimento de Lanceiros N.º 2, que vai já na sua 20.ª edição. Desde 2015, realiza-se na Amadora (para onde esta unidade foi deslocalizada em 1 de Julho desse ano), o que tem permitido também incluir provas de corta-mato dadas, as condições do espaço.

O CNC faz parte do calendário dos campeonatos desportivos militares e da Federação Equestre Portuguesa, o que significa que no caso dos cavaleiros federados, «os resultados obtidos no CNC servem para a sua classificação geral», explicou ao jornal Os Bichos o tenente-coronel José Pedro Mataloto, comandante do Grupo de Polícia do Exército e responsável pela organização desportiva da prova.

Este ano, participaram 34 conjuntos (homem/cavalo) no CNC – militares (do Exército e da GNR) e civis -, aos quais se juntaram 48 na prova livre de obstáculos, realizada na manhã deste sábado.

Durante toda a competição, esteve presente um ferrador e um médico veterinário militar para darem assistência aos cavalos que necessitassem. «Preservamos, acima de tudo, o bem-estar do animal», sublinhou o mesmo oficial. No segundo dia, antes do início das provas, todos os cavalos foram sujeitos a uma inspecção e só com a aprovação do médico veterinário puderam participar.

No final, foram entregues prémios aos cinco primeiros classificados de cada prova do CNC e os três primeiros da prova livre de obstáculos.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.